Ensinando Elétrica  | Dicas e Ensinamentos

17 de Outubro dia dos Eletricistas, parabéns a todos profissionais da área.

Dicas para encontrar o seu novo emprego

Que nós dias de hoje parece estar mais complicado a busca de empregos não tenha dúvidas, com as mudanças da tecnologia muitas das agências de empregos (físicas) fecharam-se as portas ou mudaram a forma de cadastrar interessados em vagas de emprego.

A maioria das agências agora são "virtuais" você cadastra seu curriculum no site e torcer para que alguma empresa ou autônomo cadastre uma vaga no site.

Vou deixar algumas dicas e sites que já utilizei para conseguir me recolocar no mercado de trabalho.



Um desses sites é o INDEED já consegui emprego 2 vezes através desse site aqui na região de SP.


Outro site que eu gosto bastante e até indico aqui no Blog Ensinando Elétrica é a Jobble



InfoJobs também é uma alternativa muito interessante e as vagas são 100% verdadeiras, basta você se cadastrar como empregador ou cadastrar seu CV e torcer para uma ligação de entrevista de emprego.


Vocês também pode ter o aplicativo do Blog Ensinando Elétrica e navegar nos sites de empregos e cadastrar o curriculum.


O eletricista também pode trabalhar como autônomo visitando clientes e oferecendo sua "mão de obra" basta o mesmo ter força de vontade dedicação e muito foco. Você consegue até mesmo fazer cartões de visitas 100% ONLINE.

Ads:



Bom ainda não esta trabalhando? aproveito o seu tempo para se dedicar no computador e se atualizar na sua profissão, utilizando e se beneficiando no Blog Ensinando Elétrica.

Ads:



Se ainda não tem programas para treinar circuitos elétricos ou até mesmo apostilas de elétrica para você estudar, você pode baixar tudo isso aqui no Blog Ensinando Elétrica.

  • Softwares gratuitos para elaborar diagramas elétricos.
  • Download de apostilas de elétrica em gral.
  • 10 GB de Apostilas de Elétricas 100% gratuita.
Há e quero parabenizar a todos os profissionais da área da elétrica pelo dia do eletricista :) 17 de outubro é tudo nosso!!!


Bom pessoal entre hoje e amanhã estarei fazendo novos artigos na categoria de automação aqui no 
Blog Ensinando Elétrica se ainda não se inscreveu ou baixou o aplicativo não fique de fora!

Ads:



Recomendamos:


Como instalar interruptores BIPOLAR

Olá amigos no artigo de hoje vamos ensinar a vocês o modo correto de como instalar interruptores do tipo bipolar.



Interruptores bipolar ter a função de ligar e desligar conjunto de lâmpadas que tenham alimentação em 220V fase/fase, ou seja por segurança e norma deve ser sempre interromper as duas fases para uma manutenção segura e eficaz no futuro.

Publicidade:


Temos abaixo os parafusos correspondente que encontramos em qualquer interruptor bipolar. (fotos retirada do local de trabalho)



Pode se ter a seguinte dúvida no momento da ligação!!

Qual dos bornes devo ligar as fases que vem do disjuntor e quais dos bornes devo mandar as duas fases (retornos) para as lâmpadas?

Publicidade:


Olhando o interruptor você pode pensar que é só entrar com as fases em cima e sair por baixo, mas saiba que esta errado e não irá funcionar. Veja o exemplo de como NÃO ligar o interruptor.

Abaixo veremos o modo correto da ligação !!!

Vou mostrar a vocês alguns dos exemplos que aplicamos no trabalho que estamos realizando em uma das obras.

Publicidade:


O circuito 220V é separado somente para iluminação, saindo do respectivo disjuntor correspondente a certa quantidade de lâmpadas.


Cada circuito destinto é separado para não haver sobrecarga e ligar/desligar cada sala separadamente, outro detalhe sempre leve o fio de aterramento ao circuito de iluminação e aterre a carcaça das luminárias ou até mesmo nos conduletes.


Acima você pode ver o exemplo da instalação em tubulação galvanizada de 3/4 e condulete 3/4 com interruptor bipolar, este no caso liga e desliga as lâmpadas de um certo ponto, abaixo:


Fiação utilizada padrão para os circuitos de iluminação foi secção 2,5 mm pretos para fase e amarelo para retornos e o verde para aterramento.

Publicidade:


Vamos entrar em detalhes da fiação nos conduletes para você compreender a ligação dos bornes além dos desenhos mais acima.

Então temos fiação preto fase/fase (220V) bornes do meio e fiação amarelo retorno/retorno que irá para as lâmpadas do circuito.


Lembre-se os fios fases sempre deverão ir ao borne do meio, é um padrão que os eletricistas utilizam no dia a dia, retornos sempre nas laterais.


Acima temos três interruptores bipolar que aciona de forma independente e dividido a quantidade de luminárias que temos em uma certa sala.

Publicidade:


Por exemplo interruptor 1 aciona 10 luminárias, interruptor 2 aciona outras 10 e o terceiro outras 10 luminárias. Circuitos separados é importante para a economia de energia elétrica, caso não haja necessidade de todo o ambiente ficar iluminado.


Luminárias com reatores 2x40 watts (220v) e lâmpadas fluorecente, cada ponto de iluminação temos uma tomada três pino aterrada, assim a manutenção se torna mais fácil, basta remover o plug da tomada e descer a luminária para manutenção.


Bom galerinha espero que esse artigo definitivamente tenha tirado suas dúvidas sobre ligação de interruptores bipolar, assim que eu puder trarei mais artigos como esse com imagens reais para ilustrar para vocês a forma de ligar.

Até a próxima Felipe Vieira


Recomendamos:


Dicas para Contratar um Eletricista

Talvez esse texto não seja diretamente para você eletricista, mas sim seus futuros clientes que precisam de dicas de como contratar um bom eletricista e não um zé faísca! (pessoas sem qualificação).



Contratar um indivíduo com experiência básica ou intermediária para realizar serviços em sua residência não é aconselhável, ainda mais quando se trata de contratar um eletricista. A importância de conhecer o contrato do profissional eletricista é fundamental.

Publicidade:


Para contratar um eletricista é necessário levar em conta aspectos eficazes e decisivos quando se pretende negociar serviços relacionados à eletricidade. Uma instalação bem feita ou reparada é garantia de segurança, já que problemas que poriam em risco sua vida serão evitados.

Segundo Felipe Vieira do Blog Ensinando Elétrica, para certificar que o serviço contratado tenha a qualidade esperada, o contratante precisa conhecer 3 dicas importantes para contratar um eletricista.


Qualquer profissional, não!

Um ditado que deve ser guardado com carinho é que o barato sai caro. Antes de contratar seja qual for o profissional avalie as habilidades do próprio. Querer fazer uma pesquisa para conhecer mais sobre quem vai contratar não é pecado. Porém, não busque apenas informações do valor cobrado pelo serviço.

Uma excelente dica é ter referências. De acordo com especialistas no assunto, esse fator é determinante, já que influencia muito em uma decisão. Ser criterioso quando for selecionar o profissional apresenta vantagens: evita problemas futuros desnecessários e ainda garante satisfação total na realização da obra.

Fique atento a dois tipos de profissionais: os que não possuem cursos ou certificações e também aqueles que mesmo sem ter amplo domínio na realização do serviço, aceitam-no. Hoje em dia a internet esta literalmente ensinando a realizar instalações elétricas de modo geral, seja por canais conhecidos no youtube ou até mesmo através de blogs!

Não é só por que o cara assistiu um ou 2 vídeos ou leu alguns artigos que o torna um eletricista, contrate apenas eletricistas com formações em instituições físicas como por exemplo o SENAI.

Eu particularmente não contrataria um eletricista que se "formou" pela internet, no meu ponto de vista os cursos ou vídeos oferecidos na internet serve apenas como um complemento ao curriculum do eletricista.

Faça perguntas, antes de contratar um eletricista.

É comum ter clientes que não tem conhecimento nenhum quando o assunto é eletricidade. E se você se encaixa nesse grupo, a saída é efetuar diversas perguntas – perguntas essas que esclareçam suas principais dúvidas. Exemplos? Qual a experiência do profissional? Como será realizado o orçamento? Há emissão de nota fiscal que funciona como garantia pelo serviço prestado?

Publicidade:


Apesar das dicas, quem toma a decisão final sobre qual eletricista escolher é você. Se ainda houver duvidas, tome essa dica como chave. Em muitos casos, alguns clientes decidem qual profissional escolher dependendo do tamanho da obra. Em pequenos serviços o recomendado é optar por um profissional que no mínimo possua CNPJ próprio.

Se a obra for grande entra em cena uma empreiteira. Além de assumir todos os riscos com eletricistas no caso de acidentes, as empresas são recomendadas para grandes serviços. A questão fundamental é garantir qualidade resultando em sua satisfação plena.

Fique atento a custos de mão-de-obra e materiais

Os eletricistas não apresentam um sistema padrão. Ou seja, o valor acertado entre as partes (contratante e contratado) para a mão-de-obra depende do tal sistema adotado pelo profissional. Alguns cobram por m², outros podem cobrar pela instalação de pontos de iluminação ou tomadas. É possível também encontrar no mercado aqueles que cobram por hora de serviço prestado.

O que o cliente precisa fazer é um planejamento adequado, conforme sua condição financeira. O individuo que busca contratar pode também optar por um trabalho realizado por etapas.

Quanto aos materiais, peça ao profissional que indique aqueles que forem de sua confiança, utilizando produtos de qualidade. Um erro muito cometido pelo contratante é deixar de fora o custo com equipamentos. É importante solicitar o valor no orçamento.

Atenção: caso haja necessidade de serviços de alvenaria, deverá ser reservado um valor para o contrato do pedreiro.

6 Dicas antes de você contratar!!

1º Pesquise vários profissionais. (solicite pelo menos 3 orçamento de profissionais diferentes)

2° Peça algum registro profissional, desconfie de quem "faz tudo". (peça uma comprovação de cursos realizado na área ou registro em carteira de trabalho.)

3° Como as instalações elétricas residenciais são regidas pela NBR-5410, da ABNT, desconfie se o eletricista nunca tiver ouvido falar disso! (comente sobre a NBR-5410 pergunte se o mesmo conhece.)

4° Solicite o orçamento, que deve ser obrigatoriamente entregue ao consumidor antes da execução de qualquer serviço e tem validade de 10 dias a partir do recebimento. Nele devem constar o valor da mão de obra e dos materiais e equipamentos a ser utilizados, a forma de pagamento e as datas de início e término do serviço. Após a aprovação, o orçamento não poderá mais ser alterado e deve ser integralmente cumprido pelo fornecedor, que não poderá cobrar nada a mais. A não entrega de orçamento caracteriza prática abusiva.

5° Verifique se todo o material tem logotipo do fabricante. Rejeite material de procedência desconhecida. Disjuntores, fusíveis, tomadas, interruptores, fios e cabos devem ter a marca de conformidade do INMETRO.

6° Eletricista não precisa quebrar a casa toda para mexer em sua fiação. Se o problema for na caixa, ele só mexe ali, se a fiação deve ser trocada, basta abrir uma ou mais caixas de passagem e passar os fios pelos conduítes.

Bom pessoal espero que tenham gostado do artigo lembre-se contrate somente profissionais e não pessoas de má fé e com mal reputação ou sem conhecimento técnico.

Recomendamos:



Como montar um painel de comandos elétricos?

Olá pessoal preparei um artigo bem legal para quem gosta de comandos elétricos, se você não teve a oportunidade de colocar um painel em uma bancada e realizar a montagem e fixação dos componentes passagem e fiação e efetuar os testes.

Esse artigo vai clarear sua mente e entender que não é tão complicado assim montar um painel de comandos elétricos, basta ter conhecimento na ferramentas e saber manuseá-las e claro conhecer diagramas de comandos elétricos e saber ler e interpretar.


Vamos imaginar juntos que vamos realizar um projeto de uma montagem para o comando partida direta, você terá que ter claro um painel metálico como esse da imagem acima. Abrindo o painel você removerá o fundo alaranjado dele, pois todo trabalho será realizado em uma bancada.

Publicidade:


As ferramentas principais que você irá usar é: rebites e rebitadeiras, esquadro, trena, arco de serra, furadeira aço rápido com brocas de aço, serra copo na medida das botoeiras, e um tico tico se necessário.

Esse exemplo não vamos utilizar nenhum parafuso tudo será rebitado trilhos, e canaletas certo!

Então teremos o fundo do painel conforme exemplo abaixo:


Espero que essas ilustrações criadas por mim realmente lhe ajude a entender de como é simples realizar uma montagem de um quadro de comando.

Você pode colocar em cima do fundo os trilhos e canaletas ou até mesmo todos os componentes em cima do painel para ter uma noção dos espaço que você precisa.


Como por exemplo acima, normalmente o primeiro trilho terá os disjuntores de comando e de trabalho ou até mesmo as bases dos fusíveis de for o caso. Abaixo temos como exemplos alguns componentes que você poderá usar nesse tipo de partida.



Você centraliza bem os trilhos e marque com um pulsão ou lápis (caneta canetão etc) o furo que você irá fazer para fixar com o rebite. Conforme exemplo:


Veja onde tem a seta você vai furar com a furadeira para fixar o rebite com a rebitadeira certo, se você quiser usar parafusos tarraxa pequenos você também pode fixar mas eu particularmente sempre utilizei rebites.

Publicidade:


Depois de fixado nas medidas corretas os trilhos, você pode colocar as canaletas nas laterais primeiro como o exemplo abaixo:


Onde tem a seta você fura o fundo e a canaleta e fixa com o rebite usando uma rebitadeira OK.

Feito isso você pode colocar as outras canaletas de cima do meio e a de baixo de tiver. Veja o exemplo:


Fixe também as canaletas de cima do meio e a de baixo conforme exemplo, lembre-se de deixar o espaço correto para inserir depois os componentes e não " encavalar " em cima das canaletas.

Publicidade:


Feito todo esse processo seu fundo ficará parecido com esse abaixo:


Nesses exemplo eu apenas não coloquei os componentes no exemplo, mas basta agora você encaixar os disjuntores, contatores relés e a régua de borne cada um no seu trilho conforme indicação acima.

Tampa do Painel botoeira e LED indicativo

Na tampa do painel é onde ficará a botoeira LIGA/DESLIGA os 2 LED um de ligado outro de desligado e o adesivo da sua Empresa. Vejamos o exemplo:



Você vai dividir  e centralizar bem onde os componentes deverá ficar conforme exemplo acima, para furar para os LED utiliza a serra copo junto a furadeira com a medida ideal, a para colocar a botoeira e os sinalizadores.


Também é necessário colocar pequenas canaletas nas portas para um acabamento perfeito, caso você veja que não é necessário apenas faça um excelente chicote.


A canaleta da tampa não fure apenas cole com fita dupla face que ficará bem firme, feito todo o

Publicidade:


processo você e encaixado os componentes você terá um resultado parecido com o de baixo:


Colocado todos os trilhos, canaletas, feito a furação na porta e encaixado os componentes você já pode partir para fiação, e é claro você pode criar um diagrama de comando elétrico para ser mais prático para você, veja nosso exemplo do diagrama desse painel com a borneira de alimentação e saída para o motor.


A borneira precisa ser do tipo especial para comandos mesmo, e que seja possível sua fixação ao trilho para que você não tenha que fixar diretamente na chapa do painel, por exemplo uma borneira como o exemplo abaixo:


Bom meus amigos a base é essa espero que de verdade você consiga ter entendido e através das ilustrações visto que não e um bixo de 7 cabeças montar painel de comandos elétricos.

Você pode ter um resultado final como esse abaixo:



Publicidade:


Você apenas tem que conhecer diagramas de comandos elétricos e saber usar as ferramentas. Forte abraço Felipe Vieira.


Veja também outros assuntos interessantes:


Aprender Comandos Elétricos - Partida Direta Simples

Fala amigos tudo bem? no artigo de hoje vamos mostrar como você mesmo pode aprender comandos elétricos sem necessidade de pagar por cursos caros na internet. * Tempo de leitura 5 minutos.

Todo eletricista ou quem deseja aprender sobre comandos elétricos deve se dedicar pelo menos 3 vezes na semana a praticar e treinar utilizando o software CADe SIMU 3.0 Português, é um programa 100% gratuito e de uma facilidade para aprender incrível.


Se você ainda NÃO sabe comandos elétricos baixe já o CADe SIMU, assista as vídeo aulas sobre a utilização do programa clicando aqui. Se você precisar de ajuda em comandos elétricos você pode baixar o Aplicativo do Blog Ensinando Elétrica e solicitar participação nos grupos do CADe SIMU no WhatsApp será um prazer em ajuda-lo.

Patrocinado: Leia um Livro sempre que Puder


Partida Direta com Comando Simples

A partida direta com comandos elétricos possibilita ao operador ligar e desligar o motor a distância , proporcionando maior segurança. Além disso, em uma eventual falta de energia, o comando será desligado e só haverá uma nova partida se o operador desejar. Proteções podem ser inseridas no circuito de comando, desligando-o, como, por exemplo, a proteção térmica do motor, relés falta de fase ou qualquer outro sistema que monitore uma variável física e tenha um contato disponível para ser instalado no circuito de comando. 

Ads:




Diagrama de Comando Partida Direta Simples

Clique para aumentar a qualidade da imagem
O funcionamento é simples ao energizar o painel, a lâmpada -H1 deve sinalizar que ele está pronto para partir o motor. Os contatos no diagrama estão na posição inicial, pressionando B1 energiza-se -KM1 (A1:A2) que comando seus contatos de força e auxiliares com as respectivas funções:

Ads:




KM1 (11;12) - que desliga a lâmpada H1.
KM1 (13;14) - contato de selo que manterá KM1 energizado mesmo não pressionando B1.
KM1 (23:24) - liga lâmpada H2, sinalizando motor ligado.
KM1 (1,3,5,2,4,6) - contatos de força que acionam o motor.

Neste momento o motor está em pleno funcionamento mantido pelos contatos de selo de KM1.

Parada Normal

Para desligar o motor deve desenergizar  a bobina de KM1 (A1:A2), pressionando B0 que conta a fase aplicada a A1, desligado assim KM1.

Ao desligar KM1, todo os seus contatos voltam a posição inicial, o motor é desenergizado e para. A sinalização H2 é desligada e aciona-se H1 novamente.

Parada por Sobrecarga

Se o motor sofrer alguma sobrecarga durante seu funcionamento e se o relé térmico foi corretamente ajustado, ele detecta a corrente acima da nominal ajustada e desarma, abrindo os contatos 95 e 96 desligando todo circuito de comando.

Também ao mesmo tempo fecha se os contatos 97 e 98 do relé térmico acionando a sinalização H3 (sinalização sobrecarga).

Problemas em Circuitos de Força e Controle

Curtos-Circuitos no circuito de força do motor ou sobrecargas na partida podem queimar um dos fusíveis do circuito de força. Isso pode fazer com que o motor trabalhe durante um tempo somente com duas fases, o que eleva a corrente e desarma o relé térmico (se ajustado corretamente). Antes de rearmar o relé para normalizar a situação o ELETRICISTA deve verificar todos os elementos do circuito de força, evitando assim uma nova partida em duas fases e um novo possível desarme.

Ads:




Nesses casos é de extrema importância o profissional inserir o relé falta de fase, defeitos em bobinas de contatores e relés podem provocar a queima ou desarme da proteção do circuito de comando. Nestes casos, após a energização do painel a lâmpada H1 não acende, indicando que o sistema tem um problema e não está pronto para partir.

Projeto Final CADe SIMU Partida Direta Simples


Se você vai montar esse exemplo no CADe SIMU para inserir a "Legenda de Projeto" você deve clicar conforme exemplo abaixo:


Para um melhor compreendimento desse artigo você pode assistir ao vídeo da simulação dessa atividade em comandos elétricos. Lembre-se dedica-se no CADe SIMU e ler os artigos no Blog Ensinando Elétrica você ficará crack em comandos elétricos.


Espero que todos tenham gostado desse artigo e se você realmente acha importante a divulgação de conhecimento, você vai compartilhar esse artigo com seus amigos. :)

Ads:




Abraços e até a á próxima, há quem tiver interesse em saber mais sobre MIM clique aqui!

Será de grande ajuda sua se responder esse questionário sobre sua opinião sobre o Blog Ensinando Elétrica.

Veja também Vídeo Aulas Curso Comandos Elétricos - Carol Borges

Veja também o que nós recomendamos para você:



As principais ferramentas do eletricista autônomo.

Olá amigos, para quem já trabalha na área pode ser um artigo muito simples e comum, mas ainda há muitos jovens eletricistas se formando o tempo todo, seja para ser um profissional autônomo ou entrar para uma empresa.

O assunto hoje será - quais ferramentas o eletricista deve ter? com a opinião dos meus amigos do Facebook chegamos há alguns itens, o numero de ferramentas e opções são imensas. Mas esses com certeza você terá que ter na sua caixa de ferramenta.

Publicidade:


Primeiro, se você vai trabalhar em uma boa empresa, a própria empresa é obrigado a te fornecer uma caixa de ferramenta adequada e com os itens básicos para você realizar seu trabalho.

** Atenção vamos falar aqui apenas de "ferramentas" no próximo artigo falo sobre os itens de seguranças EPIs.

Então se você vai trabalhar com as ferramentas que a empresa fornecer, não há muito o que se fazer, use as que ela fornecer e se faltar algo faça a mesma comprar.

Agora se você quer ser profissional autônomo e trabalhar por conta, precisará ter sim boas ferramentas, e de acordo com sua profissão certo.

Como exemplo você pode comprar uma caixa de ferramenta tradicional conforme exemplo abaixo:
Caixa de Ferramenta do Tipo 5 gavetas
Você pode encontrar vários tamanhos e cores diferente, mas essa azulzinha é bem comum dentro das empresas, agora se você quiser comprar bolsa de ferramenta pode ser uma dessa abaixo:

Bolsa de Ferramenta bem legal que achei na NET se tenho? não :(

Enfim as opções são várias, você pode ter as duas também tudo vai do seu bolso certo, enfim já falamos do tipo de caixa de ferramenta, vamos aos itens:

Publicidade:


Alicate Profissional 8" Belzer ou Gedore ou Tramontina tu que sabe, não irei induzir a você comprar a marca que estarei usando como "exemplo" cada um tem seu gosto certo.

Alicate Tradicional para Eletricista 8"
Ou talvez você goste dessa cor certo:

Alicate Profissional detalhe : com prensa terminais bom demais em
Outro item que se você deve ter: Alicate de bico (esse nome é como conheço)

Exemplo de Alicate de Bico longo do Bom

Lembre-se estude as opções o preço, tipo e qualidade. Porem tudo depende do bolso se você quiser coisa boa, vai gastar mais.

Outro item indispensável: Alicate de Corte Diagonal (como eu conheço).

Exemplo de um bom alicate de corte diagonal


Outro item indispensável é Prensa Terminais há vários tipos e modelos. 

Exemplo de Prensa Terminais

Tipos de Terminais encontrados por ai no mercado: Talvez você precisa de prensas terminais diferente, prensa certo para o terminal certo.


Outro item indispensável é: Alicate Crimpador REDE tipo RJ45

Exemplo de Crimpador Terminal de REDE RJ45
mas vou usar esses tipo de ferramenta? bom normalmente um bom eletricista também faz serviços e instalações de cabeamento de REDE de dados então. SIMM tenha um!

Exemplo de utilização da ferramenta acima

Outro item indispensável é: Claro Chaves de Fenda e Philips tenha um bom jogo na sua caixa de ferramentas

Exemplo de Chaves de Fenda e Philips 

Você também pode encontrar no mercado, chaves de fenda ou phillips com seu corpo isolado ideal para eletricista, mas você pode sim ter chaves de fendas comum também como exemplo acima.

Exemplo de Chaves de Fenda e Philips Isoladas

Preciso ter muitas chaves de fenda e philips? não, basta você ter "boas chaves de fenda e philips que não estraguem ou quebre o cabo facilmente o que acontece com as mais baratas".



Sim você tem que ter pelo menos uma chave de fenda curta e uma philips para apertas parafusos de local complicado.

Publicidade:

Outro item indispensável é: Decapador de fio (descascador de fio)

Exemplo de decapador de fio

Sinceramente já usei, mas não gosto de usar, preciso o jeito tradicional mesmo, mas tem gosto para tudo então veja alguns modelos de decapador.

Outro modelo de decapador de fio

Exemplo de utilização do decapador de fio:



Outro item indispensável é: Alicate de Pressão indispensável na caixa de ferramenta do eletricista.

Exemplo de alicate de pressão

Se você achar um com cabo isolado melhor ainda, lembre-se toda ferramenta quando mais isolado melhor será para você se prevenir.

Outro item indispensável é: Chave Inglesa há vários tamanhos mais o que eu tenho é só até 6"

Exemplo de chave inglesa comum

Também você pode encontrar chave inglesa isolada até 1000V.


Outro item indispensável é: Jogo de Chave Combinada

Exemplo de jogo de chave combinada tradicional

Outro item indispensavél é: Arco de Serra Desmontavel

Exemplo de arco de serra
Sim, você vai usar bastante isso pode ter certeza. Pensou na lixadeira né calma já chegaremos lá!

Outro item indispensável é: Jogo de chave allen estrela ou hexagonal

Exemplo de jogo de chave estrela hexagonal
E também um jogo de chave allen comum:

Exemplo de jogo de chave allen comum

Outro item indispensável é: Martelo básico.

Exemplo de martelo comum
Outro item indispensável é: Pulsão.

Exemplo de Pulsão

Detalhes pulsão:

Pulsão serve para marcar ou furar algo simples.
Outro item indispensável é: Detector de Tensão 70V até 1000V (não uso) mas é muito bom ter.

Exemplo de detector de tensão
Detalhes detector de tensão:

Outro item indispensável é: Multímetro Simples.

Multímetro simples custa 15 reais

Claro se você quiser ter um mais caro, ou ter logo um alicate amperímetro é uma boa. 

Um multímetro dos TOP.

Outro item indispensável é: Alicate Amperímetro.

Alicate amperímetro comum

Mas por que, devo ter um multímetro e um alicate amperímetro

Publicidade:


Você não precisa ter os dois, compre logo um alicate amperímetro, o que muda é só pelo jeito fácil de medir a corrente através de suas garras.

Alicate amperímetro dos TOP FLUKE

Outro item indispensável é: Lixadeira
Exemplo de Lixadeira
O uso de lixadeira, é muito comum, para realizar diverços servios de corte em geral, eletrocalhas, bandeijamento, paineis, tubulações etc. Cuidado ao manosear essa ferramenta sempre utilize oculos e luvas de segurança.
Outro item indispensável é: Estilete

Estilete dos mais simples dos simples, abominado por muitos eletricistas.
Estilete Comum já usei muito desses é bom e isolado.

Estilete é um assunto delicado pelo simples fato de você poder se machucar, seja lá descascando fio, ou fazendo algum serviço de corte. Tem até empresa que não deixa trabalhar com esses tipos de estilete.

Veja abaixo uns estilete maneiro adequado para eletricistas:

Uma ótima opção para eletricistas trabalharem, não tem ponta e você pode tampar depois de usar.
Veja outro exemplo abaixo:

Outra boa opção de estilete para eletricista com cabo isolado até 1000V

Bom eu queria ter um desses:


Mas como podem observar ele não é nada isolado é pode ser perigoso trabalhar com ele.

Outro item indispensável é: Limas Redonda e Quadrada ou Achatada.

Lima Achatada

Lima Redonda

Lima Redonda

Outro item indispensável é: Ferro de solda.

Exemplo de ferro de solda tradicional

Claro você vai precisar ter estanho e pasta térmica:

Estanho para Ferro de Solda
Pasta Térmica para cobre.

Outro item indispensável é: Ferro de Solda TIPO Machadinha

Ferro de Solda tipo machadinha para diversos trabalhos
Outro item indispensável é: Trena.

Trena Tradicional

Outro item indispensável é: Serrinha muito bom para serviço no gesso.

Suporte para folha de serra, muito útil para serviço em gesso.
Outro item indispensável é: Serra TICO TICO

Serra TICO TICO
Falando em serviço em gesso taí uma ferramenta que vai acelerar seu tempo de execução em 90% se puder tenha uma tico tico.

Outro item indispensável é: Furadeira Tradicional Aço Rápido.

Furadeira para serviços rápidos e simples
Se você puder tenha uma furadeira dessa muito boa e prática, não serve para serviços mais pesados.

Publicidade:


Lógico tenha ótimas brocas de aço rápido e de videa.

Brocas de aço rápido:

Broca aço rápido
Brocas de Videa:

Brocas de Videa


Outro item indispensável é: Furadeira de Impacto das TOP. MAKITA ou BOSCH

Furadeira de Impacto Makita

Outra opção é a excelente furadeira da BOSCH Top

Furadeira de Impacto BOSCH

Outro item indispensável é: Marreta

Exemplo de Marreta

É comum eletricista ter que fazer uns trampo mais pesado que exija quebradeira então sim, tenha marreta.


Claro e para acompanhar aquele serviço ponteira e talhadeira.

Outro item indispensável é: Jogo de Serra COPO de boa marca

Serra copo uma das melhores marcas
Jogo de serra copo:

Exemplo de Jogo de Serra Copo

Serra copo é ideal para fazer serviço em painéis elétricos em geral, entradas para tubulação dentre várias outras atividades.

Outro item indispensável é: Pincel Simples

Pincel Comum
Tenha sim, um bom pincel para fazer aquela limpeza no painel após a montagem ou a manutenção.

Outro item indispensável é: Rebitadeira

Rebitadeira comum

Ideal para serviços de fixação de canaletas e outros componentes em painéis elétricos.

Outro item indispensável é: Esquadro.

Esquadro Comum

Para fazer cortes com perfeição sempre utilize o esquadro certo.

Outro item indispensável é: Tenha uma boa escada, que seja isolada de preferencia de FIBRA.

Escada de Fibra Isolada
Também tem as escadas extensivas de fibra.


Ate mesmo uma boa escada de alumínio dobrável com os pés isolados emborrachados.

Escada dobrável muito boa e prática
Outra boa opção:


Outro item indispensável é: Itens que não pode faltar na sua caixa de ferramentas

Fita Alta fusão

Fita Isolante

Passa Fio ou Guia Fio
.
Itens interessante que você pode ter: Cinto para ferramenta.

Uma boa opção para deixar na lateral da calça com ferramentas básicas.
Ou então assim:

Opção de Cinto para Eletricista

Talvez um desse?


Ou assim? kkk cuidado para não exagerar, leve somente coisas básicas.

Muita ferramenta pode ser perigoso e em vez de ajudar pode até atrapalhar cuidado.
Bom é isso galerinha, espero que tenham gostado sei que ainda há milhões de tipos de ferramentas se você acha que esqueci de mencionar alguma comente, coloquei as ferramentas mais básicas e comum de o eletricista ter.

Publicidade: