Ensinando Elétrica  | Dicas e Ensinamentos

"O conhecimento muda a vida das pessoas ✌ (ツ)"

17 Tipos de partida de motores elétricos trifásicos que você deve conhecer

Olá pessoal Felipe Vieira aqui, e através desse artigo quero mostrar para vocês os 17 tipos de partidas de motores elétricos que vocês devem conhecer.

Esses são os 17 métodos de partida de motores elétricos que você pode utilizar para realizar a partida de um motor elétrico com componentes eletromecânicos. (contatores)



Postarei o diagrama de comando e de trabalho e alguns com o vídeo da simulação para os que foi criado no CADe SIMU.

E utilizei outros programas também para criar os circuitos de comando e de trabalho para os motores que não estão disponíveis no CADe SIMU. Deixei alguns comando sem fazer no cade simu, assim você pode fazer seu comando do zero e realizar a simulação.

Esse artigo é para quem já tem conhecimento em ler e interpretar diagramas de comandos elétricos, não há um processo de montagem passo á passo apenas o diagrama, o nome e para que tipo de motor é utilizado.

Vamos lá...

1° PARTIDA DIRETA



Primeiro diagrama é uma simples partida direta para motores abaixo de 10CV com um botão liga (B1) e outro botão desliga (B0).

Veja o vídeo na integra da simulação:


Diagrama de comando abaixo, mostra uma partida direta podendo ser acionada por 2 botão de liga são eles (B1 e B2) e dois botão de desliga são eles (B0 e B01).


Veja o vídeo da simulação na integra:


Diagrama de comando abaixo, mostra uma partida direta com sinalização ligado, desligado e atuação do relé térmico.



Veja o vídeo da simulação na integra:



Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3: Ipartida x 5 seg.
⇒ K1: In x FS; ⇒ F4: In (xFS).

2° PARTIDA DIRETA COM REVERSÃO



Diagrama de comando acima mostra uma partida direta com reversão simples, veja abaixo o vídeo da simulação na integra.


Abaixo teremos o diagrama partida direta com reversão instantânea, onde utilizamos as botoeiras do tipo contato conjugado.

Publicidade:


Botoeira conjugada é quando a mesma botoeira tem as duas funções NA e NF veja o exemplo:


Vejamos o diagrama de comando para partida direta com reversão instantânea:


OBS: Esse comando é mais para aulas didáticas pois na pratica é bem difícil de ser utilizada.
CADe SIMU não realiza a simulação corretamente então não gravei.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3: Ipartida x 5 seg.
⇒ K1 e K2: In x FS.
⇒ F4: In (x FS).

3° PARTIDA ESTRELA - TRIÂNGULO



Observando o diagrama de comando acima, temos um circuito de comando e de trabalho para estrela - triângulo. Para motores de 6 pontas e 2 tensões. Circuito com temporizador ON-delay.

Veja o vídeo da simulação na integra:


Abaixo vamos observar o mesmo circuito de comando mas com sinalização para funcionamento em estrela e triângulo e circuito energizado.


Veja o vídeo da simulação na integra do circuito de comando acima:


Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): (Ipartida /√3) x 15 seg..
⇒ K1 e K2: (In x √3) x FS.
⇒ K3: (In / 3) x FS. ⇒ F4: (In / √3) (x FS)

* No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve ser inferior à corrente nominal do motor.

4° PARTIDA ESTRELA - TRIÂNGULO COM REVERSÃO



Circuito de força: Partida estrela - triângulo com reversão
Circuito de comando: partida com reversão simples e sinalização

Veja o vídeo da simulação na integra:


Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): (Ipartida /√3) x 15 seg.
⇒ K1 e K2: In x FS
⇒ K3: (In / √3) x FS
⇒ K4: (In / 3) x FS
⇒ F4: (In / √3) (x FS)

* Observação: No dimensionamento dos fusíveis, o valor não deve ser inferior à corrente nominal do motor.

5° PARTIDA SÉRIE PARALELO

O esquema de força refere-se a motores de 12 pontas (4 tensões - 220V, 380V. 440V e 760V). Para motores de 9 terminais estrela ( Ligação série-paralelo), basta desprezar os números de terminais 10, 11 e 12 no esquema. ** No dimensionamento dos fusíveis, o valor não deve ser inferior que a corrente nominal do motor.

Vejamos o diagrama de comando e de força para este tipo de partida. Diagramas elaborados em outro software em comandos elétricos.

Circuito de força Série Paralelo:



Circuito de comando Série Paralelo:




Vídeo da simulação indisponível pois o software não permitia simulação.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (**): (Ipartida / 4) x 15 seg.
⇒ K3: (In / 4) x FS
⇒ K1, K2 e K4: (In / 2) x FS
⇒ F4 e F5: (In / 2) (x FS)

6° PARTIDA SÉRIE PARALELO ESTRELA COM REVERSÃO

* O esquema de força refere-se a motores de 12 pontas (4 tensões - 220V, 380V, 440V e 760V). Para motores de 9 terminais estrela (ligação serie paralela). basta desprezar os números de terminas 10, 11 e 12 no esquema.

** No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve se inferior á corrente nominal do motor.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:


Diagrama de comando do circuito de força acima:


Simulação não disponível para este circuito de comando, software não permitia a simulação apenas elaboração do diagrama.

Publicidade:


Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (**): (Ipartida / 4) x 15 seg.
⇒ F4 e F5: (In / 4) (x FS)
⇒ K1, K2, K3, K4 e K6: (In / 4) x FS
⇒ K5: (In / 4) x FS

7° PARTIDA SÉRIE PARALELO TRIÂNGULO SEM REVERSÃO.

* O esquema de força refere-se a motores de 12 pontas (4 tensões - 220V, 380V, 440V e 760V). Para motores de 9 terminais triângulo (ligação serie paralela). basta desprezar os números de terminas 10, 11 e 12 no esquema.

** No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve se inferior á corrente nominal do motor.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:


Diagrama de comando do circuito de força acima:


Simulação não disponível para este circuito de comando, software não permitia a simulação apenas elaboração do diagrama.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (**): (Ipartida / 4) x 15 seg.
⇒ K1, K3 e F4: (In / 2) x FS
⇒ K2: In / (4 x √3) x FS
⇒ K4: In / (2 x √3) x FS

8° PARTIDA SÉRIE PARALELO TRIÂNGULO COM REVERSÃO.

* O esquema de força refere-se a motores de 12 pontas (4 tensões - 220V, 380V, 440V e 760V). Para motores de 9 terminais triângulo (ligação serie paralela). basta desprezar os números de terminas 10, 11 e 12 no esquema.

** No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve se inferior á corrente nominal do motor.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:


Diagrama de comando do circuito de força acima:


Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (**): (Ipartida / 4) x 15 seg.
⇒ K5: In / (4 x √3) x FS
⇒ K1, K2, k3, K4 e F4: (In / 2) x FS
⇒ K6: In / (2 x √3) x FS

9° PARTIDA COMPENSADA



* No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve ser inferior a corrente nominal do motor.

** Os valores dos componentes são para um autotransformador com taps de 65 e 80%.

Veja o vídeo da simulação na integra:


Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): (Ipartida / 0,64) x 15 seg.
⇒ K1: (In) x FS
⇒ K2: (**): (In x 0,64) x FS
⇒ K3: (**): (In x 0,23) x FS
⇒ F4: In (x FS)

10° PARTIDA COMPENSADA COM REVERSÃO.

* No dimensionamento dos fusíveis, o valor encontrado não deve ser inferior a corrente nominal do motor.

** Os valores dos componentes são para um autotransformador com taps de 65 e 80%.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:



Diagrama de comando do circuito de força acima:


Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): (Ipartida / 0,64) x 15 seg.
⇒ K1, K2 E K3: In x FS
⇒ K4: (**): (In x 0,64) x FS
⇒ K5: (**): (In x 0,23) x FS
⇒ F4: In (x FS)

11° PARTIDA DE MOTOR DE MÚLTIPLAS VELOCIDADES (DAHLANDER)

* As velocidades 1 e 2 têm correntes diferentes: considerar a maior delas.

** Deve ser conferida junto ao motor a sequencia correta das fases, para que o sentido de rotação seja igual nas duas velocidades.

Temos abaixo o circuito de força e de comando:


Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): Ipartida (maior) x 5 seg
⇒ K1 e K3: In (alta) x FS
⇒ K2: In (baixa) x FS
⇒ F4: In (baixa) x FS
⇒ F5: In (alta) (x FS)

12° PARTIDA MOTOR DAHLANDER COM REVESÃO

* As velocidades 1 e 2 têm correntes diferentes: considerar a maior delas. ** Deve ser conferida junto ao motor a sequencia correta das fases, para que o sentido de rotação seja igual nas duas velocidades.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:


Diagrama de comando do circuito de força acima:


Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): Ipartida (maior) x 5 seg
⇒ F4: In (baixa) (x FS)
⇒ K2 e K3: In (baixa) x FS
⇒ F5: In (alta) (x FS)
⇒ K1, K4 e K5: In(alta) x FS

13° MOTOR DE DUPLA VELOCIDADE COM ENROLAMENTO SEPARADOS.

* As velocidades 1 e 2 têm correntes diferentes: considerar a maior delas.

Publicidade:


** Deve ser conferida junto ao motor a sequencia correta das fases, para que o sentido de rotação seja igual nas duas velocidades.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:


Diagrama de comando do circuito de força acima:


Comando 01 troca simples de velocidade, Comando 02 troca instantânea de velocidade.

Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): Ipartida (maior) x 5 seg
⇒ K1: In(baixa) x FS
⇒ K2: In(alta) x FS
⇒ F4: In(baixa) (x FS)
⇒ F5: In(alta) (x FS)


14° MOTOR DE DUPLA VELOCIDADE COM ENROLAMENTO SEPARADOS COM REVERSÃO.

* As velocidades 1 e 2 têm correntes diferentes: considerar a maior delas.

** Deve ser conferida junto ao motor a sequencia correta das fases, para que o sentido de rotação seja igual nas duas velocidades.

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:

Diagrama de comando do circuito de força acima:


Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Publicidade:




Dimensionamento dos componentes: 

⇒ F1,F2, E F3 (*): Ipartida (maior) x 5 seg
⇒ K1 e K2: In(baixa) x FS
⇒ K3 e K4: In(alta) x FS
⇒ F4: In(baixa) (x FS)
⇒ F5: In(alta) (x FS)

15° PARTIDA DE MOTOR DE ANÉIS (ROTOR BOBINADO)

Temos então o diagrama circuito de força desse comando:



Diagrama de comando do circuito de força acima:


Esse comando é compatível para simulação no CADe SIMU você pode realizar essa atividade e executar a simulação.

Se você não sabe comandos elétricos e quer aprender do zero, você pode realizar nosso treinamento 100% ONLINE clique aqui para saber mais!

Bom pessoal chegamos ao fim do nosso artigo, caso eu tenha esquecido algum tipo de partida que definitivamente envolva 100% comandos elétricos, mande sua mensagem através do fale conosco e até o próximo artigo.

Recomendamos:




Veja o que tem pela WEB