AD (728x90)

Calculo de Disjuntores

Recomende isso

Vamos partir das seguintes padões mínimos para disjuntores:

Iluminação residêncial básica
Disjuntores não deve ser superiores a 10A;

Cabos devem ser de 1,5mm2,

Não utilizar cabos de grande bitola em disjuntores baixa de corrente, isto irá alterar a corrente com que estes irão desarmar.

Circuitos de TUG's (Tomadas de Uso Geral - tomadas comuns da casa)
Disjuntores NÃO devem ser superiores a 20A;

Cabos devem ser de no mínimo 2,5mm; Não Agrupar no mesmo circuito tomadas que usem simultâneamente potências que se somadas ultrapassem a 2540W em 127V e 4400W em 220V.


Circuitos de TUE's (Tomadas de Uso Exclusivo - Chuveiro, Ar condicionado e outros)

Verificar manual do equipamento, normalmente indica o disjuntor a ser utilizado ou a corrente de consumo;

Cabos devem ser apropriado a distância e correntes envolvidas, cabos de bitola inferior poderão ser danificados ou os equipamentos não funcionarão adequadamente;
Não Agrupar no mesmo circuito mais de uma tomada de uso exclusivo.

Para outros casos utilize o seguinte cálculo :

Circuitos puramente resistivos (aquecedores, lâmpadas comuns, etc): Disjuntores Curva B

Divida a potência total do circuito pela tensão que este irá trabalhar.

Exemplo :

Um aquecedor de 3500W ligado a uma tomada de 127V, pegamos 3500 e dividimos por 127 o que dará uma corrente de aproximadamente 28A. então o disjuntor ideal para este circuito será um de 32A.
Importante note que as tomadas comuns no mercado são para 10A e 20A então para 28A será necessário uma tomada especial senão irá derreter.

A bitola do cabo dependerá da distância e do modo de instalação.

Circuitos com elementos Indutivos (motores, reatores, etc) : Disjuntores Curva C
Verifique no equipamento qual a corrente de consumo.

Equipamentos com consumo acima de 10A é aconselhável um circuito exclusivo.
Em casos de equipamentos de alto consumo acima de 20A não invente consulte um técnico. Os cálculos envolvidos são um pouco mais complexos para leigos, principalmente se tratarem de equipamentos bifásicos ou trifásicos.

Postado por

Felipe Vieira Eletrotécnico a 12 anos trabalha em sua Empresa Fast Help Instalações Elétricas e dedica boa parte do seu tempo a repassar seus conhecimentos aos seguidores do Ensinando Elétrica. O Blog já supera a marca de 6 milhões de visitas desde seu lançamento.

18 Perguntas e Comentarios:

  1. boa tarde ja fiz o cadastro como pego a senha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. só pegando na mulamba fera

      Excluir
  2. Boa noite, no cálculo acima a corrente de achada de 28 A ,não teria que ser dividída por 0,7 (70% da sua capacidade )que é quanto um DJ pode trabalhar ?
    Estou na dúvida.

    ResponderExcluir
  3. Alexandro souza faço da sua pergunta a minha pois também trabalho usando esse calculo,pois eu acho que o disjuntor de 32A ficará muito apertado se é que você me entende?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia ,eu trabalho assim também,mas de qualquer forma é sempre bom esclarecer dúvidas e trocar idéias para desempenhar um bom trabalho,obrigado.

      Excluir
  4. quando houver um circuito capacitivo qual dos dois disjuntores eu devo usar (curva B) ou (curva C)?

    ResponderExcluir
  5. Boa noite.Pelo o catalago que possuo,ele me indica a usar o de (curva D),pois serve para motores,como a geladeira e o ventilador de teto ,motor e capacitor mas se eu estiver errado podemos trocar idéias.

    ResponderExcluir
  6. Não há problema nenhum utilizar condutores de seção superior a recomendada, para um disjuntor. O valor de corrente elétrica depende exclusivamente da carga que se está alimentando. O condutor bimetálico de proteção térmica presente do disjuntor receberá a mesma corrente. O que não pode ocorrer, é justamente a corrente nominal do condutor a ser utilizado for menor do que o valor nominal do disjuntor (bitola muito fina).
    Vale lembrar o seguinte: A proteção da rede é utilizada para proteger a rede. Aparelhos são obrigados a ter proteção interna.

    ResponderExcluir
  7. Poxa qual dijuntor devo colocar para cinco lâmpadas de 25 w

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Disjuntor deve ser dimensionado de acordo com a capacidade de corrente do condutor. Claro que não devemos esquecer que proteção do mesmo não pode acionar com a corrente nominal da carga, portanto: corrente da carga < corrente do disjuntor < corrente máxima do condutor.

      Excluir
  8. poetencia dividida pela tensao
    se for 220v faça 5x25w = 125w dividido por 220volts se essa é a tensao da sua rede
    daria 0,60 ampéres, porém se o seu condutor(fio) for de 1,5mm² deve-se proteger o condutor num possivel curto utilizando um disjuntor de 10 ou 15 Amperes

    ResponderExcluir
  9. Chuveiro de 7400 W em 220 V
    (7400÷220)÷.7 = 48A
    correto?
    a curva do dijuntor pode ser C ou D?

    ResponderExcluir
  10. Boa noite!gostaria de saber como faço para calcular um compressor 2cv 220 e achar o disjuntor bifasico?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 2 X 736 = 1472W / 220 = 6,69A.
      Disjuntor bifasico de 10A CURVA C

      Excluir
  11. Boa noite!gostaria de saber como faço para calcular um compressor 2cv 220 e achar o disjuntor bifasico?

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Blog Ensinando Elétrica, deixe sua duvida. que logo responderemos, vasculhe bem o blog tem muita coisa interessante e não se esqueça de virar seguidor e receber atualização de matérias no seu e-mail.

© 2013 Ensinando Elétrica. All rights resevered. Designed by Templateism